Roteiro e dicas para 2 dias em Washington

Washington

Já está no finalzinho do ano e eu ainda não escrevi sobre os dois dias que estive em Washington, em agosto.  Então, vamos a eles!

Eu e Nando estávamos visitando NYC, a primeira vez dele na cidade, mas era a minha segunda, quando decidimos conhecer Washington. A ideia foi minha, é claro! rs Eu pedi que a gente reservasse uns dois dias para conhecer Washington, uma cidade que eu tinha curiosidade e nunca tinha ido.

Bate e volta ou dois dias?

Em primeiro lugar, nós refletimos se valeria a pena fazer um bate-volta NYC-Washington-NYC, já que são 3h30 de viagem de trem de uma cidade a outra. Pela a minha experiência na cidade, sim, é possível fazer um bate-volta à Washington, saindo bem cedo de NYC, porém, vai ser beeeeeeem cansativo e eu indico evitar fazer isso no verão.

WashingtonComo eu não gosto de conhecer um lugar na correria, não quis correr riscos e fiquei dois dias pela cidade! E foram muito bem aproveitados! Só não foram 100% agradáveis por causa do calor infernal que estava na cidade! Cada 100 metros era um martírio naquele sol!!!

Como ir

De Nova Iorque, você pode ir para Washington de avião, de carro ou de trem. De avião acho um tanto quanto desnecessário em razão da curta distância e de carro também não acho uma boa opção, já que em Washington você não vai precisar usar o carro em nenhum momento. Eu e Nando preferimos ir de trem. Assim, podíamos ir descansando na viagem sem estresse.

Todos os trens saem da Penn Station em NYC e chegam na Union Station, em DC, que fica bem próximo das atrações. Existem duas opções de trem: (i) O Acela Express, que é mais rápido, dura cerca de 3h, e custa entre 152 e 205 dolares, a depender do horário; e (ii) o Northeast Regional, que é mais demorado, dura cerca de 3h30, e custa entre 84 a 120 dolares, a depender do horário. Para mais informações sobre os trens acesse www.amtrak.com.

Escolhemos o mais barato e foi ótimo! Bancos largos, confortáveis, tomadas para carregar celular, wi-fi de graça, vagão com lanchonete, enfim, tudo nos conformes para fazer uma boa viagem.

Hospedagem

Como decidimos ficar uma noite pela cidade, fomos a procura de um hotel. O interessante de Washington é que todas as suas principais atrações são concentradas num mesmo local, em formato de T, cujas distâncias não são tão pequenas, mais tudo está ao alcance do olhar e basta disposição para fazer tudo a pé, como é possível ver no mapa abaixo. Dessa forma, é fácil saber uma boa localização para se hospedar.

Washington

Nos hospedamos no Hotel Harrington. A noite no hotel custou US$135,00 para um quarto duplo, com banheiro privativo. A sua localização foi excelente. Pegamos um taxi da estação de trem e chegamos em 10 minutos no hotel. Tirando isso, todo o resto fizemos a pé.

WashingtonO quarto e o banheiro eram muito espaçosos, mas o ambiente do hotel precisa de uma reforma. Eu me senti nos anos 80, tudo muito antigo, cheio de carpete e cortinas cor de vinho. Ele ainda tem uma opção de restaurante/lanchonete no seu primeiro andar, administrado pela hotel também (tudo parece uma grande família), que apresenta um cardápio com boas opções para matar a fome.

Atrações

WashingtonWashington é definitivamente a cidade dos museus e memoriais!!!! Tem museus tratando de todos os assuntos imagináveis do mundo naquela cidade! É impressionante! Eles vivem de cultuar assuntos, pessoas, história, etc. Acredito que todos os ex-presidentes dos EUA possuem algum monumento! E não vão pensando que um monumento é um busto com a carinha do sujeito, não, para algumas pessoas que marcaram a história existe um verdadeiro edifício com escritos na parede e estátuas 10x o tamanho humano, como é o caso do Lincoln, que possui o maior monumento de todos. Se você tiver curiosidade e paciência, não deixe de ler as escrituras nas paredes. São muito emocionantes e nos fazem refletir.

Saímos super cedo de NYC, as 6h, e chegamos as 9h45 em Washington, fizemos check in no hotel, deixamos nossas coisas e fomos rumo às atrações!

1ºdia Washington

1.   Museum of Natural History: O museu é incrível e super didático! É uma visita imperdível, principalmente para quem estiver com crianças. Ele conta de forma cronológica toda a evolução da vida no planeta Terra conforme a ciência explica. Os animais são reproduzidos em seu tamanho natural, então, de repente, você entra numa sala e vê uma baleia jubarte gigantesca pendurada em cima de você.  Nos andares superiores, você observa a evolução humana e genética. Possui até uma área dos insetos, onde é possível assistir através do vidro como funciona a vida dentro de um formigueiro de verdade!
Entrada franca
Horário: O museu abre todos os dias do ano (exceto 25 dez.) das 10h às 17h30.

naturalMuseum

2. Washington Monument: Caminhamos até o Washington Monument que, infelizmente, estava parcialmente coberto por motivo de reforma. Este obelisco é impressionante e a dica é caminhar percebendo que atrás de você está o enorme e magnífico Capitólio.

Casa Branca3. White House (Casa Branca): Caminhar até a Casa Branca foi um martírio. O sol estava super forte, era 12h e pouca e parecia que estávamos caminhando em cima de uma panela quente. Apesar de ser uma reta, o terreno é inclinado e você vai subindo toda vida. Nunca vi tantos seguranças na minha vida!!! Fiquei muito impressionada ao ver algumas semanas depois o incidente de uma americana ir dirigindo enlouquecidamente por aquela região, com o filho no banco de carona, sem respeitar a segurança da área. Só podia ser muito doida mesmo! Para quem já foi lá sabe que o único fim possível foi o que de fato acabou acontecendo, com a morte da mulher. Muito triste. Enfim, chegando na frente da Casa Branca, e depois de conseguir um espaço perto da grade para dar uma olhadinha nela, fiquei um tanto quanto decepcionada… Tudo em Washington é grandioso! Mas a Casa Branca não deixa de ser uma casa, branca. :-/

Vietnam Veteran Memorial

Depois de tanto caminhar naquele sol, só pensávamos numa coisa: ar-condicionado e uma bebida beeeem gelada! Entramos no primeiro restaurante ao redor e fomos almoçar.

4. Vietnam Veteran Memorial: Esse memorial é lindo e muito emocionante!!! É possível ver um número razoável de pessoas procurando o nome de seus familiares no muro. Mas toda a arquitetura fria, espelhada e na diagonal é muito interessante.

Lincoln Memorial5. Lincoln Memorial: Depois de uma boa caminhada, fomos descansar no suntuoso Lincoln Memorial. É realmente impressionante aquele monumento!!!! O tamanho, a localização, as escrituras gravadas nas paredes internas, tudo perfeito! Vale muito a pena dar uma lida nas escrituras. São emocionantes, de um homem que acreditou num mundo melhor, mais justo.

Do Lincoln Memorial, fomos dar a volta no Tidal Basin, onde é possível encontrar o maior número de memoriais da cidade e possui vistas super fotogênicas dos monumentos famosos da Washington.

Korean War Veteran Memorial6. Korean War Veteran Memorial: Passamos “sem querer” por este memorial e eu fiquei impressionada. As estátuas de aço, representando os soldados em combate, em tamanho real, é realmente impressionante.

Washington7. Martin Luther King Jr. Memorial: A imagem gigantesca de Martin Luther King saindo da pedra bruta é algo de deixar qualquer um de queixo caído! A partir deste monumento, o passeio fica bem mais agradável, contornando sempre ao lado do lago e sobre a sombra das árvores todo o seu entorno.

Washington

8. Franklin Delano Roosevelt Memorial: Este memorial é enorme, parece um mini labirinto, com cascatas e diversas estátuas retratando a sua contribuição para mundo.

9. Thomas Jefferson Memorial: Outro memorial de respeito, à altura do de Lincoln é o memorial de Thomas Jefferson.  Não é por menos, afinal, ele foi o principal autor da declaração de independência dos EUA, que pode ser lida na íntegra na parede interna do seu memorial.

Acabei, assim, o primeiro dia e fomos andando até o hotel. Não chegamos tarde no hotel, mas estávamos tão exausta devido a viagem super cedo de NYC até DC e por causa do calor infernal que estava no dia, que optamos não sair mais do nosso quartinho no ar-condicionado no máximo!!!! Mas se vocês quiserem sair à noite, o melhor bairro para fazer isso é o histórico Georgetown. Como nele se encontra uma grande universidade, ele é repleto de bares e possui um clima bem jovial, apesar dos seus séculos de história. Este bairro é tão antigo que foi fundado 40 anos antes da própria cidade de Washington e tinha título de município até 1871. Interessante, não?! Infelizmente, este vai ser um cantinho que vou conhecer numa próxima vez pela cidade.

No dia seguinte, em razão do calor resolvi passar o dia dentro dos mil e um museus na cidade, protegida do calor e bem feliz no ar-condicionado.

2ºdia Washington

Washington10. Capitólio: O dia começou com a gente visitando o Congresso Nacional dos EUA. A vista deve ser agendada com antecedência, é de graça, mas é preciso marcar a hora através do site http://www.visitthecapitol.gov/. A visita dura cerca de 1 hora e, além de você poder conhecer o interior do Congresso, você vai assistir um filme de 20 minutos sobre a história do Congresso até os dias de hoje. O filme é muito legal! Foi a melhor parte da visita, a meu ver. Saí de lá com uma admiração enorme à história de luta e conquista do povo americano! Não deixem de fazer a visita! Vale muito a pena!!!!

National Air Museum11. National Air and Space Museum: Este é o museu queridinho dos visitantes de Washington. Não tem como ir à DC e não conhecer este museu. Ele é enorme! Você se sente entrando dentro de uma garagem enorme de aviões de todos os anos e modelos que você pode imaginar! Quem tiver com crianças, é ainda mais imperdível!

12. National Gallery of Art: Este museu foi o que eu mais me identifiquei e é o mais parecido com os da Europa, ou seja, possui muitas obras de arte (quadros e estátuas) de artistas como Rembrandt, Leonardo da Vinci, Van Gogh, Monet, Pollock, Picasso, etc.
Entrada franca
Horário: Todos os dias (exceto 25 dez) das 10h às 17h30.

National Gallery of Art Sculpture Garden13. National Gallery of Art Sculpture Garden: Na saída não deixe de passar no jardim das esculturas de arte, ao lado da galeria. E foi nesse agradável jardim que eu e Nando descansamos um pouco antes de voltar para NYC…
Entrada franca
Horário: Todos os dias (exceto 25dez. e 01jan.). De segunda à sábado de 10h às 17h e domingo das 11h às 18h.

Época para ir

Como deu para ver no meu relato, os dias de verão em Washington foram infernais. Eu nunca mais volto no verão, voluntariamente, para esta cidade. Acho que no inverno, a baixa temperatura e a neve podem dar paisagens belíssimas, mas como eu não sou chegada à frio, também não iria pra lá nessa época. As melhores estações para visitar a cidade, sem dúvida, é na primavera e no outono.

Foto Ilustrativa

Foto Ilustrativa

Uma época que eu sou doida para visitar Washington é entre os meses de março e abril, na Cherry Blossoms Festival. Nesta época, toda a cidade fica repleta de cerejeiras floridas! Imagina que coisa mais linda que deve ser!!!! Quem estiver com planos para o ano que vem, em 2014 o festival ocorrerá entre os dias 20 de Março a 13 de Abril. 😉

Washington

Anúncios

8 respostas em “Roteiro e dicas para 2 dias em Washington

  1. Pingback: New York City & Washington, DC | Pri pelo Mundo

  2. Muito legal o roteirinho, Pri. Sou louca pra fazer ny e 2 ou 3 dias em WA. Qual a média de gastos por dia em WA, tirando a hospedagem? beijos

  3. Oi Pri;

    Adorei os seus relatos. Mais do que isso: usei boa parte deles – inclusive o seu roteiro de Washington – para desenhar a minha viagem.

    Estive em agosto nos EUA e seus posts fizeram muita diferença!!! Parabéns pelo trabalho!

    Bjo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s